segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Fugiu o Capitão?

Então o Capitão do Cuidado ao abrir fecha o blog e ninguém me avisa? E agora?
Alguém sabe se fechou mesmo ou privatizou?
Se é a segunda hipótese, sabem para que mail eu suplico por um passe de entrada? Ou um mapa para entrar pela porta do fundo?
Agradeço qualquer ajuda, sim?

Obrigada

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Já tenho a prenda do Comandante

Abusei, eu sei.
Mas andei a juntar durante muito tempo...

+

+

É para compensar o meu mau-feitio... que o rapaz atura-me com uma paciência exemplar :)

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Ah e tal... o Inverno é muito giro

e eu já estou fartinha. Podem mandar o Verão de volta, "ófaxabor"!

Alimentação

Passei estas duas últimas semanas a comer em shoppings por causa do trabalho. Foi só comida plastificada.

Na 6ª feira fui jantar a um restaurante italiano.
Sábado foi almoço da empresa, com comida que mais parecia um casório.
Domingo: almoço no japonês.

... Hoje, só de pensar em comida fico cheia.

Conceitos: o castigo

Mister aos pontapés aos legos: chateou-se com uma construção qualquer que se partiu.

Eu: Mister, pára com isso! Não te quero aos pontapés às coisas!
Mister: Hmpf! Olha que depois não qué'o vê' bonecos, ouviste?
Eu: Ok.

Não é suposto ser eu a castigá-lo?

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Oh tao linda!

Prenda de Natal, de mim para mim. La se foram 70€... Mas bem empregues, pois e' de pele :)

Estou viva, sim. Mas atolada em trabalho e de um lado para o outro...

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Correu muito bem, obrigada

Aconselho o Japonês :) mas pedimos comida que deu para 2 jantares. Vai daí que tivemos de repetir no Sábado... Assim sendo, ainda bem que era comida a mais.

Hoje de manha, vim para Seia. Apanhei o trânsito da ponte, graças ao despiste da Mercedes. Obrigadinha, sim? Demorei 1h30 a sair do Porto! Enfim... Não está muito frio, graças à famosa onda de calor (?) que assola este cantinho à beira mar plantado. Mas estou estafada e enfiada numa residencial. Bendita net wireless e tv, para ter o que fazer.

Amanhã já volto para o ninho...

Comandante e Mister sozinhos em casa, pela primeira vez! Já estou a imaginar a noitada... "Patrão fora..." ;)

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Hoje é dia de...

jantar romântico. A fatiota já vocês sabem e ajudaram :)
Ementa: japonês, de take away, que ainda tenho de ir buscar a caminho de casa; um belo de um vinho a acompanhar... tinto, de preferência...
Local: alapados no tapete, frente à lareira...

Seria quase perfeito, se não me tivessem dito que tenho de trabalhar amanhã à tarde. Melhor ainda se não tivessem acrescentado que tenho de ir para Seia na 2ª feira...

Hoje é assim

Sim, continuo com a veia da moda a latejar, desculpem...

Hoje trago vestido estas:


Não trago é os braços destapados... Sou Crente mas nem tanto :)

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Das minhas peças preferidas

e indispensáveis... Começa a chegar a hora de renovar o meu:

Conversas com o Mister

Crente - Então? Hoje acordaste tão cedo... ainda era de noite...
Mister - Sim...
C - Então porquê?
M - Aco'dei e fiquei um pequenininho assustado...
C - Sim...
M - Depois pus-me a pensa'... e pensei... e pensei... e pensei... e pensei... e pensei... e pensei e disse "vou pa'a cama da mamã!" e fui.
C - Mas estavas assustado porquê, filhote?
M - Estava com um pouco de medo...
C - Medo de quê? Não lemos a história que explica que não há monstros?
M - Sim, mas estava com medo das a'anhas... (das quais eu, Crente, me confesso: sofro de aracnofobia mas tenho conseguido portar-me bem na frente dele...)
C - E lá é preciso ter medo da aranhas? (a fazer-me de forte)
M - Ah pois. Não e'am a'anhas. Tinha medo dos bichos que são pequeninos e tão pequeninos que são invisíveis.
C - Os micróbios?
M - Não, não são os mic'óbios... São out'os que depois fazem um ninho e nascem umas cob'as.
C - Mas não há cobras lá em casa. E, se houvesse, o gato comia. Os gatos comem cobras. (uma mentirinha por boa causa não faz mal... pois, não?)
M - Mas são muito g'aaaaaandes!
C - O gato também é muito grande e muito mau com as cobras!
M - Também come á'vo'es (árvores)?
C - Árvores? Para quê comer árvores? As árvores não se comem! As árvores têm de ser bem tratadas que são muito bonitas e precisamos delas... (e não, ainda não expliquei o que é a lenha...)
M - Mas há homens que pegam assim nuns ma'telos e co'tam as á'vo'es, nas que estão est'agadas. Assim PUM-PUM e elas caem Puuuuuummmm!
C - É... mas só nas estragadas...
M - E quando ace'tam em pessoas é como o moche!
C - Como o quê?
M - O moche! É quando as pessoas saltam pa'a cima umas das out'as!
C - Pois... quem é que te disse isso?
M - O *inserir nome próprio do pai*.
C - Ok... mas as árvores não fazem moches. Nem as crianças, está bem? Isso é só os adultos e é a brincar. Mas é preciso ter muito cuidado que depois podem se magoar.
M - Pois.

Não me lembro do resto, que o miúdo muda de assunto muito depressa. Ainda se falou dos gatos que não se podem fazer festas, do frio e da chuva, do "logo não quero ir para casa do **" e afins.
Mas há que louvar a imaginação do Mister! Alguns diálogos, como este, fazem-me encher de orgulho :)

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Ajudar a Rebeca

A cadelinha que está na imagem abaixo, a Rebeca, uma pequena Yorkshire Terrier, desapareceu no passado sábado, 27 de Novembro. O desaparecimento ocorreu na Avenida 25 de Abril, em Vila Fria, Oeiras.


Caso tenham alguma informação acerca do paradeiro da Rebeca, peço-vos o favor de ligarem para 91 735 55 92.

E se puderem divulgar, também se agradece. Foi o que eu fiz, por ver o pedido aqui.

Obrigada

Ainda sobre coisas de gaja

Comprei um vestido assim:


Para o próximo jantar romântico lá em casa... Estava a pensar por uns leggings tipo estes


Será abuso?

Não digam nada ao Comandante que é surpresa...

Em 2004

comprei umas botas. Gostei tanto delas que ainda hoje as uso - mas já deram tudo o que tinham a dar. Todos os anos procuro umas semelhantes, tal é a paixão. Na 5ª feira passada encontrei umas quase idênticas, na Aldo do Outlet. Ligaram há pouco a dizer que já chegaram e que posso lá ir buscá-las (não tinham o meu número, que uso delicadamente um 40, às vezes 41). São iguais a estas, mas cor camel:

Estou "contenta"! :)

Adenda: são iguais a estas:

Gosto mesmo

quando vou a caminho de casa, no final do dia... Passo por uma estradinha, daquelas que parecem perdidas, rodeada de eucaliptos. Quando chove, ou acaba de chover, e se passa por lá, entra um cheirinho no carro fabuloso! É coisa para me deixar bem disposta durante bastante tempo...

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Vou copiar a Madame Pirulitos

e vou dizer a que cheiro.

Cheiro igual à Heidi Klum, que fica sempre bem. Eu só não sou é loira, porque de resto... ;)

Me da Heidi Klum (by LR - 50ml, 39.50)

E outras vezes é ver-me cheirar tão bem quanto a Leona Lewis canta:

Leona Lewis da Leona Lewis (by LR - 50ml, 39.50)

Próxima compra, assim que me decidir (porque querer querer, queria os 4):




Susan, Bree, Gabrielle e Lynette das Donas de Casa Desesperadas (by LR- 50ml, 39.50)
A caixa com os 4 - 9ml x 4, 45.00

Também gosto

da iogurteira/sorveteira da Ariete (foi no blog da @na que descobri esta prenda). Mas a minha sogrinha-anjo deve oferecer lá para casa. Vai daí que é menos uma coisa com que se preocuparem.

Eu gosto de botas

Botas e casacos. Anéis e carteiras (malas). E de férias. Acho que é só.
Quando forem comprar as prendas de Natal lembrem-se de mim :)

Aconselho vivamente

a conhecerem isto. Mais que um blog, é um mundo para os mais pequenos.
Terá abertura das novas instalações no próximo dia 04 de Dezembro.

O Mister adora livros. Muito culpa minha, que o habituei ao conto(s) antes de dormir. Fico orgulhosa por saber que lhe estou a incutir bons hábitos que lhe serão úteis para a vida. E a melhor maneira de o fazer é com livros próprios para crianças.
A Papa-Livros é uma livraria para crianças, criada pela Adélia Carvalho, uma grande amiga.
Ide espreitar e apareçam se possível.

Monday Morning Mood Music 4

É assim que começa a semana:



Boa semana :)

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Hoje é dia de...

... início de fim de semana!!
Vai daí, bom fim de semana para todos :)

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

O Mister e o presepio

Dei de caras com isto...
Sim, esta' uma leoa a olhar para todos com ar de "qual o primeiro?"...

Não pensem que fugi

Mas a vida voltou a acelerar.
Tenho obras em casa, novamente.
O Mister está doente desde semana passada.
O Comandante anda lotado de trabalho.
A casa continua uma bagunça (sabem quando se desarruma para depois arrumar? Só desarrumei.)
Tenho de entregar aquela cena por causa do abono até dia 30 deste mês e os papéis fazem parte do ponto anterior.
Tenho de enviar os documentos do Zé (dei nome ao carro) para o passar para meu nome que já o deixei de pagar (também faz parte da mesma bagunça).
E este fim de semana não vou ter tempo que quase não vou parar em casa.

Era aqui que eu dizia uma asneira.

Mas já comprei o fato de treino para o meu anjinho :)

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Ainda sobre a árvore

Acabei por comprar a do Continente: 2.10m, 1200 ramos. Custou 29.99. E, como havia uma promoção de 50% de desconto em cartão no fim de semana, fiquei com 15eur no cartão. E, como tinha um vale de 5eur para compras superiores a 20eur... Pois é: comprei a árvore por 29.99eur e fiquei com 20eur no cartão para usar na próxima ida ao supermercado.
A árvore não estava exposta - não fosse eu ter tido a esperteza de verificar o site online antes, não sabia da existência dela. Todas as outras árvores eram mais caras. Lá encontrei esta, pedi para verificar o preço (que não tinha) e cá está ela. Na foto não parece, porque o pé direito da casa é muito alto, mas a árvore é grande. Encheu-se com bolinhas vermelhas e douradas, fitas da mesma cor e umas luzes que parecem umas bolas (estas últimas também do Continente, o resto foi no DeBorla) - para terminar, enfeites de chocolate. E sim, o Mister já os encontrou.
Próximo fim de semana, se estiver por casa, vou tratar de enfeitar o resto. Vou ter é de fazer enfeites com feltro e afins, pois não encontrei nada - comprei apenas uns cestinhos enfeitados com um Pai Natal, para rechear de bombons ou bolinhos ou o que apetecer.
Não vi velas que gostasses, isto é, com um bom preço e bonitas. Comprei umas lisas, vermelhas, e fita daquela larga. Vou colocar a fita à volta de cada vela e fazer o arranjo da mesa.
Em relação ao enfeite da porta, ainda não sei como resolver a questão: a porta é de metal e vidro. Como raio é que vou pendurar lá alguma coisa?
Bem, cenas de um próximo capítulo quando houver avanços :)

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Durante uma discussão no fim de semana

Crente - Mas afinal quem é que manda aqui?
Mr - Sou eu?
Crente - Hã??
Mr - Tu, mamã, tu. És tu.

Engana-me que eu gosto, eu sei...

Ainda incompleto

Mas ja temos arvore :)

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Cheia de inspiração

E ainda sem ter organizado o meu cantinho dos crafts...
A máquina de costura ainda enfiada dentro de uma caixa.
O baú dos tecidos enfiado num canto por baixo da escada.
As missangas e afins ainda dentro de caixas e caixinhas, enfiadas em caixotes e numa mochila XL.

E eu aqui, a borbulhar de ideias! Raios pah. Tenho de arranjar tempo este fim de semana para recomeçar o meu hobbie preferido. É urgente.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Já agora, para terem uma ideia

O Mister com 4 dias - o equivalente a 28 semanas e meia de gravidez.

Eu grávida

do Mister. Em 2 de Março de 2007.
22 semanas de gravidez - o miúdo aguentou-se lá mais 6.
E a última semana foi à base do: não mexe, não respira e cheia de drogas...


A do Continente

é a mais barata.
Vira-se o comandante para mim:
- E nos chineses?

Fico mesmo contente por ter escolhido (eu acho que fui escolhida, mas enfim...) um homem inteligente.

A mãe capotada

está a fazer dois Sensus Caputansus 2010.
Para quem não a conhece nem sabe do que falo, ide la deixar os vossos dois tostões, sim?
Para quem a conhece, ide lá confirmar que deixaram o vosso testemunho, sim?

O primeiro aqui, e o segundo aqui.

Obrigada

Minhas gentes, precisa-se árvore de Natal

Isto é um post de partilha.
E de inter-ajuda.

Este Natal será o primeiro Natal na nossa (minha, do Comandante e do Mister) casa. Tem de ser memorável. Ainda não sei se o Mister estará ou não connosco nesse dia, mas como sempre ouvi dizer "o Natal é quando o homem quer e a mulher deixa". Acho que é usado para outras andanças... será usado lá em casa para comemorar o Natal quando estivermos todos. É quando for, que a data não interessa.

Continuando. Quero uma árvore de Natal. Artificial. Linda e grande. Farfalhuda (gosto desta palavra). E barata, de preferência. Mínimo de 1.80m.

E o que vos peço? Que estejam atentos, quando andam às compras. Só esta semana. Quero ver se trato da compra da dita no próximo fim de semana, enquanto ainda tenho por onde escolher.

Obrigada

Eu já nem sei de que é que falavam

mas surgiram animais ao barulho:

Mr - Um borceronte.
Comandante - Rinoceronte?
Mr - Não...hmmm... Ja-vi... ja-la-vi...
C - Javali?
Mr - JAVALI!!

Está frio

Caso não soubessem. Tenho as mãos geladas.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Vodka

Era o que o Mister chamava às moscas.

domingo, 14 de novembro de 2010

Hoje faz 10 anos

A minha tatoo. Sim. É pequenita mas já está perto da adolescência...

Isto era só para dizer qualquer coisa a um Domingo. É raro eu vir aqui ao fim de semana... foi para fugir à rotina e apanhar-vos desprevenidos.

sábado, 13 de novembro de 2010

Ainda sobre o avô

Fui ao Hospital de S. João. Afinal enganaram-se a dizer o hospital. Toca a ir para o Hospital de Santo António. De carro. Às 17h30. É que nem comento.

Cheguei lá, estacionei no parque (4.85€...) e fui vê-lo. De vez em quando abre os olhos, mas não sei se sabe quem sou. Dei-lhe a mão e assim ficámos. Para largar, à hora de saída, é que foi difícil... Ele não largava :(

Tem uma hemorragia, grande. Não operam pois já tem 90 anos. Para "compensar" tem atrofia cerebral, o que acaba por ajudar. É esperar.

Obrigada pelas mensagens que deixaram.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

O meu avô está mal

Caiu e fez um coágulo. Foi transferido para o Hospital de S. João. Não sabem se se safa :(
Vou para lá agora.

Juro que às vezes não me importava de rifar a minha vida. Não a vida mesmo, que até gosto de andar por cá, mas estas tretas todas. Ou uma pausa. Vou comprar um KitKat.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Trabalhos que eu já tive

Babysitting.
Atendimento ao balcão e mesas na Farggi (quando abriu).
Naquelas linhas de valor acrescentado. Sim. E não, não é isso tudo que vocês pensam.
Vendedora de loja na Mango. E na Stradivarius, mas só durante um bocadito e a pedido do patrão, que era o mesmo nas duas.
Educadora de Infância. Aí sou peixe dentro de água.
No suporte ao cliente numa empresa de informática.
Administrativa.
Consultora numa empresa de informática.
Agora sou directora comercial. Nome pomposo, eu sei. É fashion.

Já que falei no vocabulário

As coisas que o Mister sabe (por culpa dos livros):

Séquito - "são os emp'egados do p'íncipe"

Galhadura - "é aquilo que os veados têm na cabeça quando c'escem"

Reposteiro - "é aquilo das co'tinas"

Berbequim - "é p'a faze' bu'acos na pa'ede" (gosto tanto quando ele diz esta hehehe)

Ainda cheguei a pensar que o "porralmente" fosse uma palavra que existisse e eu não conhecesse... Não era a primeira vez!

Tiradas do Mr.X (vocabulário)

"Porralmente"

Já diz há um monte de tempo. Só ontem percebi o que é. Ideias?

Resposta - Finalmente. Finalmente descobri que era finalmente. Não percebo aqueles "R"s todos por ali... Ele lá deve ter achado que ficavam bem.
Obrigada por não descobrirem rapidamente e me fazerem sentir incompetente :)

Tiradas do Mr.X

C - Quando chegarmos a casa vamos acender a lareira como ontem. Para a casa ficar quentinha!
Mr. - Mas já acendemos ontem.
C - Sim, mas temos de acender outra vez.
Mr - Mas po'quê se desapagou?

:)

Eu sei que hoje ainda nao é sexta-feira

mas fica já aqui isto:

Chegaram mais 200 anjinhos que esperam ter um presente este Natal

Os anjinhos são crianças desfavorecidas, às quais o Exército de Salvação, com a nossa participação e de colaboradores de muitas outras empresas ajudam a ter um Natal mais alegre. As crianças mais carenciadas são seleccionadas pelo Exército de Salvação, que faz a pesquisa no terreno junto das famílias mais necessitadas.
Depois de seleccionados os nomes e idades das crianças são colocados num cartão com o pedido da prenda.

O anjinho é o cartão onde vem mencionado a idade e o presente da criança em causa; um brinquedo e um fato de treino para a idade. Todos os anjinhos correspondem a uma criança específica, por esse motivo em todos os presentes deve ser colocado o número correspondente à criança, este número vem mencionado no cartão-anjinho.

Quem quiser contribuir pode solicitar o número de anjinhos que pretende através do mail: fiosoltos@gmail.com - toda a informação do anjinho será enviada o mais rápido possível.

Estes pedidos devem ser feitos no máximo até dia 30 de Novembro e a data de entrega dos presentes será feita entre os dias 2 e 7 de Dezembro nas instalações da TVI, ao cuidado de Ana Almeida ou contactar para que se possa indicar outro local ou mesmo ir levantar os presentes, nenhum anjinho ficará sem presente por motivos logísticos.

É muito importante que todos os presentes sejam entregues devidamente identificados com o número do anjinho.

Um grande OBRIGADA a todos os que acolherem esta acção.
Os Anjinhos no Facebook: LINK
[Brevemente num blog perto de si haverá muito mais informações e desenvolvimentos dos nossos anjinhos, mantenham-se atentos.]
Isto tudo e muito mais está bem explicadinho pela @na no fiossoltos.blogspot.com
A mim faz-me confusão pensar em crianças sem presentes no Natal...
Eu já aderi. De que esperam?

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Preciso de opinião masculina

Estou a pensar comprar um netbook para oferecer a um homem. É mariquice a mais ou até é prático? Dá jeito?
É para ser segundo computador, já que no trabalho tem um. Assim dá para andar de um lado para o outro, trabalhar em casa se for preciso, etc.
Mandem bitaites, por favor.
Obrigada

Oh desculpe,

C - Podia-me desbloquear a máquina para comprar tabaco, por favor?
(?) - Tem 18 anos?
C - Não...
(?) - Então não posso.
C - Olhe, visto que já tenho quase o dobro, aproveite e desbloqueie duas vezes para comprar dois maços. Obrigada.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Foi hoje

Não correu bem. A Juíza foi mesmo incapaz de ser imparcial. Sempre a defender o pai e a atacar a mãe. Foi perfeitamente visível. E, isso, não acho correcto e muito menos justo.
Agora é esperar. Corro o risco sim de perder a guarda. Não perdendo, já tenho sorte se não for eu a fazer as viagens todas.
A Juíza tratou de maneira demasiado agressiva as testemunhas que diziam alguma coisa positiva sobre mim, para além de que eram interrompidas quando tentavam. E quando se apontava o dedo ao pai, era-se crucificado. Chega.

De resto, não vou falar mais neste assunto. Não sinto que a justiça funcione. E não há nada que eu possa fazer.

Obrigada pelos comentários que deixaram.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

É amanhã

É continuar a fazer figas e pensar positivo e afins.
Volto quando puder.

Obrigada

Este fim de semana soltei a organizadora de lar que existe dentro de mim

Arrumei o quarto onde se acumulam os montes de roupa para separar e arrumar no devido lugar. Não cheguei a passar a ferro, mas tive vontade de - e o que conta é a intenção.
Fiz lista com o que tenho na despensa, frigorífico e congelador: e, de acordo com isso, criei o menu dos jantares para as próximas 3 semanas.
Estou muito orgulhosa de mim :)

Prognósticos para amanhã?

De preferência igual ao jogo de ontem.
FCP - SLB

5 - 0

E não peço mais nada.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

As pequenas coincidências da vida que nos enchem o peito de novo ar

Ouvi esta música quando passeava pelo espaço da Madame Pirulitos.

Não tinha ouvido antes pois não tinha os head-phones colocados. Ouvi agora. Soube tão bem, tão bem...
Obrigada Madame...



You with the sad eyes
don't be discouraged
oh I realize
it's hard to take courage
in a world full of people
you can lose sight of it all
and the darkness inside you
makes you feel so small

But I see your true colors
shining through
I'll see your true colors
and that's why I love you
so don't be afraid to let them show
your true colors
true colors are beautiful
like a rainbow

Show me a smile then
don't be unhappy, can't remember
when I last saw you laughing
if this world makes you crazy
and you've taken all you can bear
you call me up
because you know I'll be there

And I'll see your true colors
shining through
And I see your true colors
and that's why I love you
so don't be afraid to let them show
your true colors
true colors are beautiful
like a rainbow

:)

A gaveta dos pijamas

do Mister: tem camisolas num monte e calças noutro. Nada de camisola e calça de conjuntinho já preparado. Do alto dos seus três anos e meio, gosta de combinar a camisola e calça ao seu belo gosto. Para dormir. Imaginem como é para escolher a roupa de manhã...

Tiradas do Mr.X

De manhã, depois de escolhida e vestida a fatiota:
Mr - Oh mãe, 'tou xi'o? (giro)
Crente - Estás fabuloso! 5...
Mr - Est'elas!
Crente - Exactamente...
Mr - E achas que as meninas vão dize': uhuuuhhuuu sexy?
Crente - Só não dizem se não souberem falar ou precisarem de óculos. Mas eu digo filho! Tu estás uhuuuhhuuu sexy!
E ele ri-se. Não percebe metade dos conceitos mas ri-se. E rimo-nos juntos e isso sabe-nos bem...
Mr - Hoje podemos esquecé-nos da bata em casa pufavô?
Crente - Claro... se a professora perguntar diz que fui eu que me esqueci.

E antes que fujam de fim de semana

fica a lembrança:



Tia Preta
     - Rua Ricardo Ornelas, 375, R/C dto.
       Bairro da Flamenga
       Chelas
.
       1950-331 Lisboa

     - NIB DA ASSOCIAÇÃO DA TIA PRETA
       OO33 OOOO 45393107461 05

Maria e o gato: take them to Bruges! Se ainda não conhecem: shame on you!

Prezado e iPod Touch: Merece. É um não crente do karma, tem 3 gatos e uma assistente domiciliária (vulgo empregada a dias) que fala com eles.

Ajuda de Berço: continuam em apuros. Têm uma colecção de livros muito gira que dará belíssimos presentes de Natal. Ou fazem como eu: compram, guardam e vão dando um de cada vez.

Asas para voar: cada vez falta menos para a mudança de país.

Crente: 3ª feira continua a minha saga. Só preciso mesmo é que façam figas, torçam, acendam velinhas, falem com bruxas ou videntes ou mediums que conheçam... Estou por tudo. Menos espancar que não sou a favor da violência.

Acho que continua actualizado.

Ainda sobre o casório

Final de noite.
Aguentei estoicamente a vestimenta a rigor.


Não aguentei os sapatos. Arranjei estes.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Voltemos ao casório

Os mais fashion

E pronto, não houve acordo

fomos a julgamento. O acordo que a juíza queria que eu aceitasse, e que corro o risco de ser o que ela irá decretar: fim de semana de 15 em 15 dias, de 6ªfeira a Domingo. Até aqui, tudo ok. As viagens repartidas. Aqui não concordei.
Não acho normal. Ainda estou parva.
Foram ouvidas as testemunhas dele: eu sou uma mãe possessiva e controladora. Intransigente. O facto de ir ao infantário entregar o Mister ao pai, sempre que ele vai de viagem, fez a juíza virar-se para a procuradora e dizer "a mãe é louca"...
Sou louca? É que realmente começo a pensar que sim.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Este post ficou guardado e foi publicado em automático

Foi escrito dia 27 de 10, à tarde.
Não me quis confessar antes. Receio de agoirar. O tal do Karma (aquele que o Prezado pôs de lado no prato - cada um come o que gosta e deixa ficar o resto - e eu respeito).
Às 14h30, estou eu no Tribunal de Família. A audiência que espero desde Março é agora. A quem acompanhou parte disto: torçam por mim agora. Aos outros: torçam por mim agora. É agora. Está a ser agora. Daqui a pouco sairei daqui e não sei como estarei. Quero sair daqui feliz. Quero sair daqui com a convicção que a vida do meu Mister será agora mais fácil. Quero sair daqui com a guarda do filho que sempre criei. Quero que não o obriguem a tantas viagens como aquelas que fez até aqui. Contei os quilómetros. Aproximadamente 13300. Em cerca de 7 meses. Nem o meu carro fez tantos no mesmo tempo. E ele tem apenas 3 anos e meio. Não acho justo, nem acho que seja no "superior interesse do menor".
Quando puder venho aqui e postarei o resultado. Espero que um feliz. Para o Mister. Porque eu lá me vou habituando ao que tiver que ser. Nem que seja a contar quilómetros.
Torçam por mim, torçam pelo Mister. Ele, mais que qualquer um dos adultos, merece ser feliz e ter uma infância o mais normal possível.

Obrigada

Hoje é dia de me ajudarem a mim

A partir das 14h30. Torçam.

Lembram-se daqueles

bombons de chocolate recheado de creme com licor? Embrulhados em pratas de várias cores? Ainda se compram ao quilo na baixa do Porto. A-D-O-R-O! Não sou grande apaixonada por chocolate, muito menos chocolate preto. Mas estes bombons hão de ser a minha desgraça. Quase de certeza.

Meio quilo, minhas gentes. Não o comi todo. Ainda.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Amanhã é dia de ajudar a Crente

minhas gentes. É amanhã. Ou sim ou sopas. Amanhã. Assim espero.
Pensem em mim. Amanhã.

Tiradas do Mr.X

Crente - Mister, pára de coçar os olhos que isso faz mal.
...
C - Mister, que foi que te disse?
...
C - Mister, não coces os olhos. Já te disse.
Mister - Oh mãe... mas tenho uma melga* que não qué' sai'!

*Sabem o que é, sabem? Uma remela.

Sobre o casório que se avizinhou

No quarto da prima Noiva.
A prima Noiva despia-se e vestia-se, irradiando felicidade. Mãe da prima Noiva despia-se e vestia-se, resmungando constantemente. Crente a tirar fotos e a rir baixinho.

prima Noiva - Sabes Crente, é que a minha mãe diz que isto não é um casamento.
Crente - Sabes prima Noiva, um dia a tua mãe morde a língua. Até as cobras venenosas têm acidentes.
mãe da prima Noiva respira fundo para não morder língua.

Continuámos na partilha das alegrias e a registar cada momento, prima Noiva estava mesmo mesmo gira. Mesmo. Giríssima!
Mãe da prima Noiva veste os collants e fica a queixar-se das meias que tinha vestido e que lhe marcaram as pernas, as manchas que tem nas pernas, os collants que não disfarçam, o vestido que só tapa até ao joelho, as calças que podia ter vestido, blá bá blá rebéubéubéu pardais ao ninho...

Crente - Já viu tia? Ainda bem que isto não é um casamento! Se você tivesse que ir nesse estado a um casamento, a vergonha que não seria...

Prima Noiva ri-se.
Mãe da prima Noiva bufa.
Crente pede para que se juntem para tirar uma foto e relembrar momento.

Correu muito bem, todos muito bonitos

não fossemos nós uma família assim para o muito gira.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Sobre o casório que se avizinha

Mãe Crente -A tua prima Noiva ligou. Diz que te sentou na mesma mesa que família de primo AS
Crente - Mas ela está chateada comigo!?
Mãe Crente - Não, diz que não tinha outra hipótese. E sentou amiga M também na mesma mesa, com vocês.
Crente - Ah... Então ela não está chateada comigo... está é chateada com a família de primo AS...

Vai ser giro giro giro!

A Sonhadora pediu

a Crente assentiu.

O depois já se sabe, pois é muito parecido com a rapariga do post sobre o corte de cabelo (Natalya Rudakova em The Transporter 3 - Correio de risco 3).
O antes... Díficil arranjar uma foto actual que se perceba. Peço desculpa, foi o melhor que consegui...

Ah e tal, cortar cabelo

... já foi. Não há que pensar demasiado em algumas coisas.
Foi ontem. Entrar no cabeleireiro e insistir com a senhora para que o cortasse. Estava com medo - não eu, mas a cabeleireira.
Cab - Mas tem a certeza? Esta tão comprido...
Eu - Vá, corte. Não tenha medo que eu não tenho. O cabelo cresce. E com a crise até vou poupar dinheiro em água, electricidade, champô e amaciador. Pegue na tesoura e avance.
...
...
Eu - Sabe que o corte que pedi é mais curto que isso, não sabe?
Cab - É que você ainda me sai daqui a chorar...
Eu - Se eu não quisesse cortar, não vinha aqui. Já o tive mais comprido do que agora e rapei-o. Se for a comparar, até nem é um corte assim tão radical.

Senhora do lado - Ai menina... você tem coragem...
Eu - Se fosse para me cortarem um braço ou algo assim, preocupava-me. Agora cabelo?

E foi assim o tempo todo. Salão parado a olhar e eu a incentivar a cabeleireira a cortar o cabelo, a incentivar, não fosse ela mudar de ideias e eu sair com o cabelo cortado a metade. Foi giro. E já está.

No final gostou do visual. Eu adorei. Ainda me tentou convencer a umas madeixas, sem sucesso:
Eu - Minha senhora, durante 12 anos andei a pintar o cabelo, a experimentar todas as cores que havia. Agora prefiro mantê-lo au naturel. Antes pintava para evitar cortar, agora corto para evitar pintar. São opções.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O Mister é tão lindo...

Fui para a escola mais cedo, porque já sei o que a casa gasta. Nunca me avisam da hora de chegada...
Enquanto esperava, fiquei quieta no carro, a ver os miúdos a brincar no recreio. O Mister, pequenito, lá no meio. Meio sozinho, corriam uns à volta dos outros, ora corria, ora observava...
A certa altura, miúdo A empurra miúdo B. Mister vai a correr ter com miúdo B e ajuda-o a levantar. Ficaram depois os dois entretidos.
A moral da história? É simples. O Mister sai à mãe. Tem um coração enorme e gosta de ajudar quem precisa. Um fofo.

Detesto estas 5ªfeiras

Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras Detesto estas 5ªfeiras

Volto depois do sucedido.

Este fim de semana tenho um casório

A minha prima e seu Noivo vão dar o laço. Vivem juntos há imenso tempo, têm uma pequena que está prestes a fazer 2 anos. Casamento pequeno, familiar. Crente e Comandante vão lá marcar presença. Ele gosta imeeeenso destas coisas.

Comandante - Olha lá, a tua tia ainda anda a tentar destruir o casamento?
Crente - Sim...
Comandante - Aquela discussão que eles tiveram, a única vez que se pegaram... sabes... Já falaram sobre isso e resolveram a questão?
Crente - Não...
Comandante - (sorriso de orelha a orelha) Então a festa promete mesmo ser gira.

É, um bocadinho sádico... mas só um bocadinho.

Época de crise

e a mim a apetecer-me isto:


Definitivamente, o meu estômago é do contra.

Adenda ao post de gaja

Eu não sou ruiva, eu não tenho sardas. Nem tão gira. Mas tenho 58kg espalhados por 1.72 m, o que não é nada mau. Deve ficar bem...

Gaja que vê filme de gajos

continua a ter atitudes de gaja. Vi o The Transporter 3 este fim de semana. Desde então só penso em cortar o cabelo assim:




Quando corto o cabelo so penso em deixá-lo crescer. Quando deixo crescer, só penso em cortá-lo. Nunca estou satisfeita porquê?

Tiradas do Mr.X (GPS)

A caminho de casa, com o GPS do meu brinquedo novo ligado, para que o Mister estivesse entretido e não adormecesse:

GPS (com voz feminina) - A 800 metros, vire à direita.
Mr - A ochochó met'os vi'a à di'eita mamã.
Crente - Oitocentos
Mr - Otochentos.
GPS - A 300 metros, vire à direita.
Mr - À di'eita mamã!
C - Sim, já ouvi, mas ainda não chegamos lá.
GPS - Vire à direita.
Mr - À di'eita!!
C - Já estou a virar, é aqui. (E virei)
GPS - Vire à direita.
Mr - Mamã, tens de vi'á' à di'eita.
C - Eu já virei, ela é que não sabe.
Mr - (virado para o telefone) Ó menina, nós já vi'ámos à di'eita! Ouviste?

Hehehehe

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Quando mudei de casa

descobri que tenho demasiados copos. Mesmo em excesso. Alguns fazem parte de um serviço antigo, já bastante incompleto. Daqueles que não gostamos muito, mas que se herdou numa altura em que faziam falta.
Neste momento estão a mais.
Quando mudei de casa coloquei todos esses copos num armário da cozinha. E foram baptizados (não me ajeitei ainda ao tal do acordo) de copos de partir, como já falado aqui. Nós esforçamo-nos, são os copos que usamos quando temos a casa cheia de gente e de confusão. Mas não é que os hijos de mil padres são resistentes? Não há maneira de nos livrarmos deles. Nem quando caem se partem.
Assim sendo, esta passagem de ano que se avizinha, vai ser à espanhola. Beber champanhe e partir o copo. Aceitam-se voluntários.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Andei a passear pelo FB

E descobri coisas tão giras!
Por exemplo: encontrei bazookas de malta que deixou de falar comigo quando me divorciei (ai e tal que é pecado e o catano e a malta casa-se é para sempre e se não é para sempre decidias antes e o camandro e o caneco e sei lá mais o quê). Todos divorciados. Todinhos! E eu aqui, cheia de vontade de perguntar "Ai e tal que é pecado e o catano e a malta casa-se é para sempre e se não é para sempre decidias antes e o camandro e o caneco e sei lá mais o quê?". Mas não. O karma é bonito e gosta de agir sozinho.

Este fim de semana

descobri que sou burra. Toda a minha vida fui burra. Ou inocente. Seja o nome que for, não muda nada.
Toda a minha vida fui feliz. Porque felizes são os inocentes. E agora o mundo estragou-me. Agora abriram-me os olhos da alma e tive de ver, com olhos de ver. Olhei o mundo de frente, com olhos que nunca tinha usado. E chorei. Mas estive horas a chorar. Mesmo. Não é metáfora. Chorei. Muito.
O mundo afinal é feio. A vida, cada um faz a sua, pode ser linda. Mas o mundo, povoado pela maldade que existe, é feio.
Não estou chateada, já parei de chorar (quando penso nisto às vezes quase recomeço). Estou tremendamente desiludida com o mundo. Chegar a esta idade e ser obrigada a deixar de ser inocente. Agora não consigo voltar atrás, nem que queira.
Sempre acreditei nas pessoas, sempre acreditei na boa vontade, sempre acreditei no amor pelo próximo, pelo seguinte e ainda mais. E sempre achei que todos seríamos assim. Eu e as restantes pessoas. As outras, as más, essas ruins, seriam assim por necessidade. Afinal não. É grátis a maioria das vezes. A maldade é gratuita. Gratuita. E choro, claro.
Eu sei que eu não estou errada. Defendo mesmo que acho que deveríamos todos ser assim, uns pelos outros. Tipo Dartacão e os seus cãopanheiros. Mas, depois de ter visto o mundo, descobri que não posso ser assim. Não posso abrir o coração nem a porta de casa. Maldade há demasiada, entra pelos poros, pelas fechaduras. Está pelo mundo. Eu sei que não estou errada mas, mesmo assim, sou eu que tenho de mudar, porque o mundo não muda por mim. Eu não posso ser eu porque o mundo não está preparado para isso. Ou então já está estragado. não sei, mas também não interessa.
Mudei. Não fiquei estragada, pelo menos ainda. Mas mudei. Não deixei de acreditar nas pessoas. Tento, todos os dias, deixar de acreditar no mundo. Mas a porta está fechada. Não entra mais ninguém.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A Crente está a ser leiloada no Take us to Bruges

Não sou bem eu, mas é trabalho meu. Uns lindos gatinhos, para ajudar a Maria e o Gato.
Ide lá licitar. Se algum dos meus seguidores ficar com os gatos, leva mais um de oferta. À borlix.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Bizarro é

ir fumar para a porta do escritório (rua) um carro abrandar, parar, o rapaz sair do carro, subir as escadas e pedir-me lume. Depois voltou para o carro e seguiu caminho. Faz bem ao ego? Um bocadinho. Mas é bizarro.

Ou então é a falta de comprimento do vestido.

6ª feira - Vamos lá ajudar

Para que não fiquem esquecidos:

Tia Preta
     - Rua Ricardo Ornelas, 375, R/C dto.
       Bairro da Flamenga
       Chelas
.
       1950-331 Lisboa

     - NIB DA ASSOCIAÇÃO DA TIA PRETA
       OO33 OOOO 45393107461 05

Maria e o gato: take them to Bruges!

Prezado e iPod Touch: Tem 3 gatos, merece.

Ajuda de Berço: estão em apuros

Asas para voar: em contagem decrescente para mudarem de país

Não sei se me estou a esquecer de alguém...

Antes o cansaço

Fui almoçar com amiga de ontem à noite. Bem mais despachada que eu, habituada a estas andanças. Só que o ar de miúda está a ficar gasto.
Pondo na balança: antes cansada e com ar de catraia. Catraia que ainda precisa de dormir a sesta. Com orgulho.

Depois dos 30

fiquei velha. Preocupante. Ontem fui tomar café com a melhor amiga. Por cusquices em dia, cortar na casaca, chibar a vida... Até às duas da manhã. Já nao aguentava com os olhos abertos! Vim para casa a ouvir rádio em altos berros (obrigada Muse) e lá cheguei a grande custo. Hoje rebolei para fora da cama, atrasadíssima, despachei-me a passo de caracol, cheguei atrasada ao trabalho e dois cafés já cá cantam. E eu, feita zombie. Então pah? Uma noitite? Uma amostrazita? Fraca... sou fraca e tenho vergonha.
Depois pus-me a pensar e dupliquei a minha idade novamente. Imaginem: a Crente em pleno coffee-bar, a comer tosta mista e a beber cházinho... Vá, imaginem. Pois. Velha.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Irritam-me as 5ª feiras

em que o Mister tem de ir embora. Sim, faz bem estar com o pai B. Não, não concordo que, para isso, seja o miúdo a ter de fazer tantos quilómetros, a faltar às aulas, etc... Não concordo, nem acho justo. E não, continuo a não estar habituada. Fico sempre numa ansiedade... o estômago vira pedra e o coração encolhe. Está pequenino, tão pequenino, que já deve ter deslizado para perto dos rins. Daí que também me doam as costas.
É inspirar, expirar... calmamente... E preparar-me para o momento de hipocrisia da semana. Detesto ser simpática por obrigação. Detesto estas 5ª feiras.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Preciso contactar a Miss Glitering

Ideias?
Por causa de um passatempo de há uns longos meses atrás, da Petit Patapon.

Adenda: enviei mail para o hotmail, a ver se o problema era esse, já que estava a enviar para o gmail.

Malta que deixou de ir vegetar na N13

Obrigada. Estamos melhores... Não como antes, mas melhores. Agora já só demoramos 30 minutos.
Obrigada.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

O Prezado anda perdido

e precisa de ajuda. Não, não precisa de um GPS. Porque depois já não se perdia e já não escrevia como escreve. E eu, como o leio, quero mais é que se perca muitas vezes.
Voltando atrás, o Prezado anda perdido sem o iPod Touch. Um brinquedo, uma mariquice, como aquela que falei aqui e pedinchei à TMN e à Samsung - as... as... as ingratas, não me ligaram pevide. Mas, como eu sou uma menina que se portou bem, a empresa ofereceu-me o brinquedo (acho que é para eu não mencionar a palavra "aumento" durante uns bons tempos... devo ter ficado a perder, mas fiquei feliz - nesta altura da crise, quanto mais se recebe mais o Governo nos rouba).
Retrocedendo novamente, o Prezado sente-se lesado sem o iPod Touch. Eu recebi a minha prenda e quero que ele receba a dele. Vive com gatos, tem de ser boa pessoa (ainda que se queixe dos destruidores fófinhos - eu sei pah, eu sei... tu até gostas um pequenininho deles, como diria o meu Mister).
Rewind mais uma vez. O Prezado precisa urgentemente de um iPod Touch. Se já estão fartos de ler sempre a mesma coisa e não querem ler mais, é simples: cliquez ici
Mais uma vez: o Prezado quer um iPod Touch. 1 euro é um café (se estiverem a pensar que são dois: minhas gentes, vocês andam a tomar o café em sítios pouco in!). São 6 cigarros (pouco saudável). É um croissant e meio (engorda). É meia revista Happy. É um bilhete de metro (aproximadamente... andar a pé faz muito bem). Dão o que puderem, o Prezado agradece. E eu também.
Além de tudo, há aquilo do retorno e karma e afins. Vale sempre a pena. Pelo sim pelo não. Se dos meus 38 seguidores (39, que a Libelinha está escondida) cinco lá forem ajudar... já fico feliz. Se forem todos... fica o Prezado feliz. Ele e o seu futuro iPod Touch.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Malta que foge às SCUTs

Eu acho bem que não paguem. Que refilem. Que organizem manifestações e tretas do género. Que passem e se recusem a pagar - esta é a minha preferida. Digam asneiras, façam queixas, amuem, provoquem algo assim para o bizarro naquelas cenas que lá andam espalhadas a tirar fotos. Mas não digam que fui eu que disse. Sim, sou mariquinhas.
Agora, minha gente. Vamos ter problemas. Desamparem-me a N13. É que eu não vos fiz mal nenhum. Eu TENHO de ir por lá porque é o meu caminho. A alternativa é fazer jincana e corta-mato pelas terciárias e quatriciárias. Vocês estão a lixar-me a vida com F, maiúsculo. Era um instantinho de manhã: sair de casa, entrar na N13, sair da N13 para deixar Mister na escola, atravessar N13 para chegar ao escritório. Agora é entrar na N13 para sair para uma ruela qualquer, galgar montes e quelhos bravios, acertar na ruela que me leva de volta à N13, enfiar-me noutro local sinistro, perder-me por entre bairros de casinhas todas iguais, deixar Mister na escola mas estacionando longe, porque não dá para lá chegar por onde vamos. Sair de lá, por uma rua, apresentável, mas que me obriga a percorrer uma distância bem maior, demorar meia-hora para atravessar uma mísera rotunda para chegar ao trabalho. 1 hora, com sorte, para fazer este percurso. Que não me conheçam, ainda vá que não vá... agora torturar-me? Porquê? Fiz-vos algum mal? Raios pah!

Tão fofo que até vou morrer!



Foi tão FOFO!

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Ganhei :)

Um convite duplo para levar o Mister ao cinema. Será a sua estreia cinematográfica.


Gru - O Maldisposto!



"É tão fofo que até vou morrer!"
Vai ser tão giro vai ser tão giro vai ser tão giro vai ser tão giro!!!
Até vamos comprar pipocas!

Sim, eu gosto de bonecada, ok?

Sobre o fim de semana passado

O primeiro dia e noite choveu tanto que até assustava. Ficámos fechados na casita a contemplar as paisagens e a jogar sudoku e Scrable (duas paixões/doenças que eu e o comandante partilhamos).
Dormir até tarde, dormir durante a tarde, comer comida de engorda (que não resultou), ver filmes...
Deu para tudo. Deu para namorar. Deu para descansar. Recomenda-se. O Norte de Portugal é sim dos sítios mais bonitos que conheço. E divertido, já que ouvi um "Intremáche" e mordi a língua para não me rir.





quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Querida TMN e/ou Samsung

Eu sou uma querida. Boa pessoa. Com bom ar. Mãe de família. Uma companheira extremosa.
A vida nem sempre corre como devia correr, engana-se e enfim, temos de aguentar com ela. Tivesse eu um belo de um Samsung Galaxy S e tudo seria mais fácil. As medidas de austeridade não seriam tão sentidas, pois estaria anestesiada a ver um filme no belo do telemóvel. A crise não pareceria a mesma, pois consultar o saldo bancário num brinquedo tão bonito até deve meter piada - mesmo que o saldo seja mais negativo que o desejado.
E eu, o que faria eu meus queridos? Publicidade. Muita. Gratuita. Um post de agradecimento todos os restantes dias deste blog. Só assim para começar. Passear-me com o mimo na rua e gabá-lo em voz alta - sucesso garantido!
Eu sei que vocês são simpáticos. São até uns amores quando querem. E eu já sou cliente TMN, para verem como sou alguém inteligente.
Sejam então gentis e mandem-me uma prendinha destas. E se quiserem ser super hiper geniais: mandem duas prendinhas destas, que a Loira também é o máximo e promete tudo isto, de certezinha!


Minhas gentes que me lêem: espalhem o belo pedido, pode ser que alguém importante o leia. Pedir não custa...

Adenda: Para quem não sabe, isto é um Samsung Galaxy S ou I9000...

Sou co-autora de uma petição

Mulherio e afins, ide lá assinar isto.
Quando me junto com a Loira, só saem ideias de classe e muito úteis :)

A conversa da hora de almoço

Não, não foi com o Mister, foi com a avó do Mister.
Eu nem me queixo muito, mas tem milhentas coisas na minha vida que me lixam com F em grande estilo. E sim, às vezes dá vontade de contratar uns latagões que fecundassem uns quantos filhos/as de mau leite, como dizem os espanhóis. A conversa durante o almoço rondou vários aspectos destes últimos dois anos da minha existência e das dores de cabeça que me causa, a mim e à minha família.
Mas não consigo mandar fecundar ninguém na realidade. Sou capaz de chingar e rogar pragas e afins, mas não passo disso.
Porque tenho a minha integridade. Porque ainda sou crente e optimista e acho que as coisas irão mudar e em alguma altura a vida será justa. Ainda sou pura e inocente em muitos aspectos. Virgem, portanto. E perdendo isso perco a minha identidade. Deixo de ser alguém de quem me orgulho. Deixo de me ver como um bom exemplo para o meu filho. Se critico quem consegue mandar partir umas pernas? Não, até invejo. Mas para ganhar essa liberdade, perdia a outra. A liberdade de ser eu. Otária. Mas feliz por ser quem sou.

Quero uma paneleirice destas

Para me esquecer das medidas de austeridade e da crise e da conta no banco e da mudança de escalão de abono que me vai lixar com F. Era um mimo. E amnésia temporária.

Se aquela cena dos mineiros se tivesse passado em Portugal

ainda lá estavam enterrados.
O governo teria prometido que em 2 meses estavam cá fora e demoraria 4. Com sorte.
Como não foi cá, prometeram 4 e demoraram 2. Deve ser da diferença horária.

A Maria e o Gato estão em sofrimento!


Resulta quase sempre um título assim :)
Se não conheces o leilão da Maria e do Gato estás completamente out.
Démodé! Ou como diria o Pipoco: nada snob-chic.
Tenho dito. E não quero chatear-me.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Tiradas do Mr.X (o queixinhas...)

Há uns bons tempos atrás, estava eu sozinha com o Mister, em casa. Tocaram à campainha e era uma senhora da Zon. Na altura já tinha contratado os serviços da MEO, mas como moro numa aldeia, estava complicado. Assim sendo, deixei a senhora entrar, ainda que eu seja uma convicta anti-Zon (estava sozinha em casa, por ali não passa a malta daquelas igrejas estranhas e eu não tinha nada para fazer). Conversou-se, agradeci e rejeitei.
Quando o Comandante chegou a casa, bem mais tarde, qual foi a primeira coisa que o Mister disse?
M - Papá! Esteve cá um senho' com a mamã!

Ui... Quase que me corria mal... Queixinhas!

Hoje de manhã, no meio das correrias, sai-me um Caramba (ando a cortar nas asneiras...).
O Comandante ainda na cama, no nosso quarto, que ainda está de férias. O Mister sai a correr do quarto dele, onde estávamos, em direcção ao nosso quarto:
M - Papá papá! A mamã disse ca'amba!
C - A mamã vai ficar de castigo!
M - Mamã, não podes dize' ca'amba, só podes dize' o'a bolas (ora bolas)! Foi o papá que disse.

A Crente perde sempre. A Crente está em desvantagem numérica. A Crente quer uma filha!

Tiradas do Mr.X (hoje foi uma manhã cheia...)

O Mister agora não dá beijos. "Já te dei muitos beijos, 'tou fa'to!" e cruza os braços com ar de isso é muita paneleirice. Mas há momentos excepção: quando acorda, quando o deixo na escola e quando são horas de dormir. Ainda há os beijos dou-te beijo e tu dás-me o que te estou a pedir, mas esses são outros posts...

Na viagem para a escola, já depois de eu ter fingido não ouvir a questão que o Mister me tinha colocado, continuo a tentar mostrar a responsabilidade que temos em sair à hora certa, cumprir horários e as consequências de quando falhamos:
Eu - Estamos muito muito atrasados. E hoje é dia de ginástica: se calhar já não chegas a tempo de ir fazer exercício com os teus amigos. Fazer ginástica é muito importante... e as horas, as horas a que vou chegar ao escritório. Amanhã temos de acordar ainda mais cedo, para ter a certeza que saímos à hora certa e não nos atrasarmos!
Mister, calado e pensativo. Deu-me tempo para me calar...
Mister - Então e não vai have' tempo pa'a beijinhos?
Eu - Há, damos uns beijinhos rápidos...
Mister - Então não faz mal.

Tiradas do Mr.X

O Mister detesta andar de mão dada. Acha-se já demasiado grande para essas paneleirices. Mas tem regras e uma delas é não atravessar a estrada sozinho. Espera pelo adulto que estiver com ele, dá a mão, atravessa, solta a mão tipo enguia e "ala que se faz tarde": retoma as correrias e trepanços por tudo onde chegue com as mãos.
O Mister funciona ao relanti de manhã, depois de acordar. Ando eu feita barata tonta atrás dele, para que se lave, se vista, coma o pequeno-almoço, pegue na mochila, desça as escadas, entre no carro... Fora esta lentidão inerente, ainda é um vaidoso de todo o tamanho (não sei a quem sairá...hehe): porque as calças não combinam com o calçado, porque quer a t-shirt Xpto, porque o casaco do Noddy "fica mais giro mãe"...
Resumindo, eu hoje "passei-me". Saímos de casa 40 minutos mais tarde do que devíamos. Mas como não gosto de refilar com ar de má, costumo refilar com piada. Ou tento, pelo menos. Quase sempre me lixo, como hoje de manhã. Ao colocá-lo na cadeira:
Eu - Mister, estamos atrasadíssimos! Vou chegar tarde ao trabalho por tua causa e vão-se chatear comigo. Amanhã visto-me e vou embora de carro. Se estiveres pronto vens comigo. Se não, vais sozinho a pé!
Fecho a porta, abro a porta da garagem, entro no carro.
Mister - Oh mamã... e depois como atravesso as estradas?

Crente - 0 ; Mister - 1

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Sou fã de Moby - e admito!

Isto, fez-me recordar... Não propriamente os actores ou o filme ou a foto, mas a música.
Eu adoro Moby. Mesmo. Acho que é inovador, um génio.
Há músicas que gostamos, outras que ouvimos, outras que nos marcam, outras que enjoamos, ou que não gostamos ou até que deixamos de gostar. Também eu sou assim. Mas Moby é toda uma categoria à parte. É música que se entranha nos meus poros. Inexplicável, mas perfeito.
Assim sendo, (não sei se mais alguém que não eu se alembra) mas no Verão de 2009 Moby e o seu estaminé vieram ao Parque da Cidade do Porto. Um concerto ao ar livre, numa noite agradável, que durou mais horas do que as que estavam programadas. Eu fui. Eu estava lá. Bem pertinho do palco, que cheguei cedo e ainda tive de gramar com a banda que abriu o palco (não sei se gostei ou não, eu estava ali era para ver Moby).
Fui sozinha, que pouca gente me atura este meu vício. Até postava aqui vídeos que fiz, mas essa treta de tirar os vídeos do telelé e downloads e uploads e o catano dá trabalho e eu sou preguiçosa. Quanto a fotos, continuam no telé e o gajo ficou em casa (podia haver uma emergência ou assim e, com o telé lá, o microondas pode ligar-me. Ou a televisão...).
Foi dos melhores concertos a que assisti (isto dito por esta Crente que já foi ao Route du Rock - que eu cá até tenho pinta às vezes - e se não sabem o que é o RR: shame on you!!).
Agora vou ficar melancólica a recordar os meus tempos de loucuras...

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Warning - post de gaja

Tenho um casamento no final do mês. Preciso de uns sapatos dourado escuro (existe?) ou qualquer coisa do género para fazer conjunto com o vestido que vou levar (descalça, se continuar assim...). Calço 40. Aceito ofertas em segunda mão. :)

Monday Morning Mood Music 3



Ouvi esta música na rádio, este fim de semana, quando andávamos perdidos perto de Caminha. E gostei.

Voltei!

As férias:
- deram para organizar quase todos os roupeiros
- deram para descansar
- deram para namoraram
- deram para ficar a chorar por mais....

A ver se amanhã mostro algumas fotos.
Voltei!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

É de mim, ou também é anormal?

Pela 3ª vez, o Mr. vem "marcado". É normal, para a idade que tem, pois com tanta correria combinada com trapalhice, acidentes acabam por acontecer.
O que não acho normal é nunca me dizerem nada: nem quando acontece nem quando vêm trazê-lo ao Domingo.
Desta vez foi uma cabeça rachada que só reparei quando lhe fui dar banho. É pedir muito que o pai B me avise destas coisas? Ou estou a ser implicativa?

Mais alguém tem problemas de espaço com os roupeiros?

Ou sou só eu que tenho muita roupa? Se calhar é coisa minha...
Vou oficialmente desistir de andar com as trocas de roupa de Verão versus roupa de Inverno. Vou ocupar o roupeiro do quarto das "visitas" (ainda se usa disto?).

Bem, vou voltar para dentro dos roupeiros...

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Fim de semana à porta e eu vou de férias

que também mereço. Preciso de desopilar.
Se andar mais ausente, já sabem. É porque estou a arrumar a casa...

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

A melhor que ouvi hoje

"Eu antes até dei às vezes algum dinheiro e nem tinha de dar que não era obrigado. Dá-te por contente!"

Dito por pai B do Mister.

Porque me canso?

É simples. Porque há coisas que de tão idiotas que são, gastam uma pessoa.
É óbvio que o Mr. tem um pai biológico. Todos temos um. E devem ter uma relação, devem ver-se, devem conhecer-se.
Mas também é óbvio que o Mr. tem uma mãe biológica: eu. E devemos ter uma relação também, passar tempos juntos, fora das rotinas velozes do dia a dia.
Agora imaginem-se.
Começa a semana, 2ª feira. Acordar, vestir, levar para a escola. Final do dia, ir buscar, chegar a casa, dar banho ao Mr., fazer jantar, dar de comer, pôr a dormir. Rotinas estas que se repetem até 5ªf. À 5ªf, a partir das 16h, é suposto o pai B ir buscá-lo. Às vezes avisa-me a que horas chega (quando mando um sms a perguntar, se não... azar) e chega sempre antes da hora prevista. Porquê? Simples. A mãe, eu, é que pode ir buscar o filho à escola, a escola não o entrega ao pai sem a mãe (encarregada de educação) presente. Vai daí, para arranjar confusão, avisa uma hora e chega meia-hora antes. A escola, que já foi avisada e já viu isso acontecer (em 3 semanas) liga-me logo se o pai chegar e eu não estiver - trabalho a 2 minutos de distância.
E lá me despeço e ele vai embora.
Tento ligar uma vez por dia para falar com ele. Isto é, vai na 5ªf: ligo uma vez 6ªf e outra vez Sábado. E tenho muita sorte se me atenderem e mais sorte ainda se me atenderem nas primeiras tentativas.
Domingo: a hora prevista de entrega é às 19h. Já andamos nestas andanças à meio ano. Chegou uma vez às 19h e outra vez às 19h10. Fora isso, quase sempre entre as 20h e as 21h30. E já desisti de ligar a perguntar a que horas chega ao Domingo.
O Mr. chega com um feitio de meter medo. Só não digo que não é o meu filho porque fisicamente se vê perfeitamente que é ele. Mas só fisicamente.
Dar banho, dar de comer (que preparo para estar pronto a partir da 19h - ou pelo menos bastante adiantado), pôr a dormir.
Segunda semana igualzinha a esta. Sem tirar nem pôr.
A terceira semana, é quando voltamos às nossas rotinas e temos o Mister connosco durante esse fim de semana. Durante esses 10 dias seguidos o pai B não liga. Não pergunta. Não faço ideia se pensa sequer no filho. Mr. volta a ganhar peso que perdeu nas semanas anteriores, deixa de ter olheiras e volta a ser o menino de 3 anos e meio que é.
Na semana seguinte, é voltar ao início deste post. Temos um fim de semana de Mister de 3 em 3 semanas. Se acho justo que o pai passe mais tempo com ele do que nós? Claro que não. Se acho este sistema normal? Claro que não.
O Mister emagrece, falta à 6ªf à escola, anda cansado e com olheiras. O pai B mora a 350km de nós. São 2100km por mês só de viagens para o miúdo. E não acho isso normal.
Lendo os relatórios feitos pela segurança social:
- o pai a queixar-se das viagens mas que de resto está contente com o sistema de visitas. Refere que o menor parece cansado e que era melhor fazer as viagens de comboio;
- a mãe a queixar-se dos efeitos negativos no menor deste sistema; a educadora a confirmar; a psicóloga a confirmar; a mãe a dizer que o menor anda cansado e deveriam mudar o número de visitas; e a defender o porquê de continuar com a guarda do menor (que o pai pediu mas não fala do assunto no relatório).


Estou cansada, claro. Durante quase 1 ano o pai quase não veio ver o filho. Não ajudava em nada. De repente pede a guarda e dão-lhe estes direitos todos sem saber antes se é capaz ou não, se merece ou não. Sei perfeitamente que o pai é incapaz de tratar do filho sozinho. Morei com ele e lembro-me. É a avó.
Ao pai B bastou aparecer e dizer que queria, não lhe perguntaram mais nada. Pedem relatórios, que estão prontos desde meados de Julho e até agora nada. Não me chamaram para nova audiência.

É só um desabafo, estou cansada. Estou cansada de ter de olhar para um calendário e contar fins de semana para poder organizar-me. Estou com saudades de levar o meu filho a visitar os bisavós, a família do interior, ou até fazer fins de semana fora com ele. Porque de cada vez que penso em fazer isso começo a fazer contas de cabeça aos km's que lhe vou pôr em cima - e não quero cansá-lo mais.

E ter a família materna com saudades dele, que também pouco o vêem. E aí a culpa é minha, que sou egoísta. Se só tenho um fim de semana de 3 em 3 semanas, custa-me partilhar esses momentos...

Enfim, resumindo, estou cansada. Hoje então, mais cansada.

Hoje é dia de...

O Mister ir para o pai. Estou cada vez mais cansada disto. A (in)Justiça deste país tem muito que se lhe diga.

Tiradas do Mr.X

Outro dia, a sairmos da escola, trânsito. Daquele em que não estamos na fila, mas precisamos de atravessá-la para entrarmos na estrada, no sentido contrário ao da fila. Mas claro, nunca há espaço para passarmos, que os carros andam todos enfiados com as frentes nos cus uns dos outros. Para poupar espaço e a fila ser mais curta, portanto. Só pode...
Começa o Mister a mandar vir, até que uma alma caridosa, uma senhora no seu boguinhas, teve a gentileza de parar para nós passarmos.

Mr. - Como passámos mamã?
M - Uma senhora muito simpática que parou para nos deixou passar...
Mr. -Não mãe! A senho'a pa'ou e depois deu murros nos out'os carros e depois eles comaça'am a est'aga'-se com fogo e depois voa'am como aviões e depois fo'am pa'a o espaço e depois nós conseguimos passa', não foi?
M - Hein? Diz lá isso outra vez?
Mr. - Já dizi...
M - Já "disse"... Mas eu não percebi bem, conta lá outra vez.
Mr. - Ahmmmm... Esquexi. Estava ve'melho e os carros "paiaiam" (pararam). E nós passámos.
M - Ah... ok.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

"Porra mãe!"

M - Hein?!?

Mr.X - Porra! Não ouviste?

Quase que precisei de super-cola na boca para não dar uma gargalhada valente.

M - Olha lá, mas isso diz-se?

Mr.X - Tu não 'tavas a ouvi'...

Ah... se não ouvir não há problema... começamos bem com as asneiras...

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Um solicitador por 250eur

É caro? Em Lisboa.
Não percebo patavina disto.

Tenho o nariz lixado com F. Maiúsculo.

Não sei se é alergia, constipação ou o raio que o parta - ok, não é preciso parti-lo porque depois é que não gosto nada dele.
Os olhos lacrimejantes... Já nem falo: só fungo e espirro. Estou tão gira, tão gira!
Era um belo de um copo cheio de qualquer coisa com álcool para matar esta bicharada toda... Ou então para limpar as vias respiratórias. Ou ainda: ficava com uma moca que não sentia mais nada.

33 foi a conta que o outro fez

E são os que me aturaram. Afinal não sou a única crente :)

O que eu queria mesmo mesmo mesmo era qualquer coisa assim

mas estes estão ocupados.
Depois digam que eu não sou amiga...

Isto:



ou isto:


É que era mesmo mesmo mesmo o que precisava... mas houve um !"$$#%" que se lembrou primeiro que eu... um não, dois!!

$%&%$%#$"$

Mas vai tudo para fora no fim de semana de 8 de Outubro?
A quantidade de sítios que já contactei para ir para fora esse fim de semana com o Comandante e está tudo ocupado.
Procura-se:
Sítio com vistas: montanha ou rio.
De preferência num sítio sossagadíssimo.
Com água: rio, piscina, jacuzzi ou lago.
Para não fazer nadinha de nada, só descansar.
E não quero hotel nem pousada nem nada disso. Não quero mais ninguém, só para nós os dois.
Local: Norte de Portugal - Minho, Trás-os-Montes ou qualquer coisa do género.
Conhecem alguma coisa assim? Ah... e gostava de não ficar na miséria... dava jeito.

Muito obrigada!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Nota sobre a tortilla

6 ovos não chegam. Estava deliciosamente deliciosa. O Mister atirou-se ao prato dele e comeu com as mãos, depois da primeira colherada.

Mas ficou toda escangalhada, desfez-se ao tirá-la da Erika. Assim sendo, ou é falta de ovos, ou a Erika não gosta de partilhar.

P.S. - Ia pôr aqui uma foto de uma tortilla desfeita, mas não encontrei no google. Sou só eu que não sei desenformar uma tortilla pah?

Monday Morning Mood Music 2

É que hoje, no início desta semana, é isto.
Foi fim de semana com o Mister cá e o próximo é daqui a 3 semanas... Esta merd@ já me cansa até aos ossinhos, a justiça é uma caca e mais lenta que a lentidão. Peço desculpa, mas é!




O vídeo é um bocadito para o manhoso, mas não arranjei melhor...

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Tortilla para cenar?



Tortilla de patatas

INGREDIENTES:

550 gr de patatas cortadas muy pequeña
1/2 cebolla muy picadita
sal al gusto
75 ml de aceite de oliva
6 huevos

se cortan las patatas muy fina y la  cebolla

ponemos el aceite dentro de la cubeta en menú arroz y echamos los ingredientes menos los huevos, removemos bien todo dentro de la cubeta y cerramos la olla
cuando la olla pite abrimos la vávula para ke  salga el vapor
abrimos la olla y echamos los huevos ya batidos, lo mezclamos bien
cerramos la olla y poner menú arroz

para ke kede bien cuajada dejamos en mantenimiento unos 5 minutos, es el tiempo ke yo dejo pa ke se termine de cuajar bien los huevos


PARA SACAR LA TORTILLA: EXTRAEMOS LA CUBETA INTERIOR Y  MOVEMOS LA TORTILLA PA VER KE NO ESTA PEGADA

PONEMOS UNA BANDEJA O PLATO GRANDE  SOBRE LA CUBETA Y CON UN  PAÑO O GUANTE PA NO KEMARNOS SE DA LA VUELTA


E diz que se pode juntar outros ingredientes, como miolo de camarão, salsichas, etcetera e tal. Vai ser a cena (jantar em espanhol que ando numa de multilingue) de hoje.

Erika, acho que vou gostar muito de ti...


"Temporizador: Indique cuándo quiere que la comida esté lista usando el práctico temporizador. Tenga la comida recién hecha cuando llegue a casa."

Oh minha amável Erika... É que é só eu descobrir agora umas receitas e saber quais os teus botões... Teremos uma proveitosa relação lésbica, quer-me parecer...

Pela boca morre o peixe

Não que eu tenha morrido, mas sou Peixes. De prever, face este meu bom feitio especial.
Não tenho uma Bimby. Incrível, não é? Acredito que faça poupar tempo mas, e existe sempre um mas, é cara como 4 ou 5 pérgulas e eu ainda não comprei uma - que teria dado muito jeito este Verão.
A minha sogra (futura sogra, pois o Comandante ainda não fez de mim uma mulher de respeito), deu-me uma Erika. É um nome muito mais chique, sim? O preço é muito mais em conta e provavelmente não faz tudo o que a Bimby faz.
Seja como for, eu e a Erika vamos tratar de nos conhecer este fim de semana. O Comandante também está doidinho por lhe pôr as mãos em cima e eu ainda não sei o que pensar disso. Deverei ter ciúmes?

Confesso-me aqui, a vós minhas gentes, que eu havia dito que não iria ter uma Bimby. E continuo a não ter. Mas sinto-me, mesmo assim, como que a atraiçoar os meus princípios culinários. Tento convencer-me, pensando no tempo que pouparei e que poderei gastar com os meus homens. Vai daí, talvez nasça daqui uma bela amizade entre a minha pessoa e a Erika.

Tiradas do Mr.X

M - Mister, vamos ter problemas!

X - E nós que'emos xoluxões!

Ah ah ah!

Chuva? A sério?



Mas porquê? Não vai haver mais calor? Estender-me na praia? Ficar um "pequenininho" mais morena?

A sério... chuva? Mas eu fiz algum mal?

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Art.Soul: 'bora lá?

Se fizeres eu também faço hehehehe
É mais giro ter com quem trocar queixas depois :)

New face for new season

Que uma refrescadela faz bem de vez em quando...

A melhor explicação

No outro dia iamos para casa, eu e o Mister, depois de um dia longo de trabalho e escola.
Já seriam 19h e picos... Seguíamos na estrada. Do lado direito via-se o sol, já perto do final da sua rotina diária. Do lado esquerdo viam-se nuvens e aquele tom de início de noite.

X - Oh mãe, ali (direita) ainda é de dia e aqui (esquerda) já está a fica' de noite. Sabes mãe, sabes? Ali ao fundo é de noite e o sol vai pa'a lá pa'a a lua que está lá vi' pa'a aqui. Depois lá é de dia e aqui é de noite. Sabias?

E esta, hein? Genial!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Há mimos deliciosos, em todos os sentidos

Estava eu no portátil, a visitar blogs, enviar mails, etc e tal. Quando deu a música de dormir do Panda fui buscar o Mister ao sofá e fui deitá-lo. A rotina de sempre: fazer xixi, lavar dentes mãos e cara, vestir pijama, ler livro (2!), contar história sem livro (que tenho de inventar de acordo com os personagens que lhe apetecem) de luz apagada.
Esperei que adormecesse e vim para baixo. E só aí reparei. Hoje comprei-lhe gomas. Só quando cheguei ao portátil é que reparei no que ele tinha feito. Deixou-me um presente...:

Tiradas do Mr.X

De manhã acordo com o Mr.X a chamar-me. Vou ao quarto dele, abro um bocado das persianas e dou-lhe um beijo.

M- Bom dia, Mister! Fica aí mais um bocadinho que eu vou arranjar-me e já volto...

X - Po'quê? 'Tás est'agada?

Hehehehe

As dez perguntas mais difíceis de responder



Hoje, descobri isto com a Mulher a 1000/h! Vamos responder às perguntas?

Ranking das 10 perguntas mais difíceis de responder:
1. Qual é o sentido da vida?
2. Deus existe?
3. As loiras divertem-se mais?
4. Qual é a melhor forma de emagrecer?
5. Há alguém aí (no espaço)?
6. Quem é a pessoa mais famosa do mundo?
7. O que é o amor?
8. Qual é o segredo da felicidade?
9. Tony Soprano morreu?
10. Por quanto tempo vou viver?

As minhas respostas, que valem o que valem...
1. Para a frente. Se fizerem inversão de marcha correm grandes riscos de serem atropelados pelos outros milhões que andam nesta estrada da vida. Ouçam o que eu digo!
2. Se existe, está sentado numa poltrona, a comer pipocas e a rir-se às gargalhadas a assistir às nossas vidas. Tipo realizador de comédias sarcásticas. De certeza. Mas tenho para mim que não existe.
3. Eu acho que não. São bebidas da mesma maneira que as ruivas e as morenas. Mas é verdade que são as mais consumidas. Principalmente SuperBock e Sagres. Eu cá prefiro SuperBock, de preferência loira.
4. Apanhar um vírus no sistema digestivo. Tiro e queda! É praticamente um quilo por dia. Já experimentei.
5. Eu. E tenho mais uns 20 aqui no escritório. A rua, a esta hora, não tem muita gente pois já está tudo a trabalhar. E os que não estão a trabalhar, estão a dar uso ao rendimento mínimo ou ao subsídio de desemprego. Não fazer nada também custa muito, sim? Continuando, há muita gente no espaço, por todo lado. Mais uns anos e temos é falta de espaço.
6. Eu. Mas gosto de passar despercebida. Depois de mim é o E.T. e a Lassie.
7. É um sentimento que nos faz sentir grandes e agirmos como idiotas... Acho que agora percebi que os políticos amam imenso!
8. Eu sei, mas não digo. É segredo.
9. Se bem me "alembro" o Tony Soprano é um personagem interpretado por James Gandolfini e criado por David Chase. Não é uma pessoa real. Vai daí, nem sequer existe. Para morrer precisa de existir.
10. "O tempo perguntou ao tempo, quanto tempo o tempo tem. O tempo respondeu ao tempo, que o tempo tem tanto tempo quanto o tempo tempo tem.". Percebido?

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Comandante

Porque ser lamechas parece que anda no ar...

Gosto tanto de ti que até me casava! Contigo!

Tiradas do Mr.X

Ontem o meu pai fez anos.
E, de surpresa, fizemos-lhe um jantar lá em casa. Como de prever e para alegria do Mr.X., levou-lhe um pacote de bolachas Digestive. Que ele adora!

Quando o meu pai chegou, ainda o Mr. estava a comer a sopa. Assim que a terminou, agarrou-se ao pacote de bolachas, colocou o seu olhar de pedinte e perseguiu-me com os belos dos olhos:

X - Mamããããaaa.... ab'e as bolachas pa'a eu come'....
M - Quando acabares de comer a comida toda que tens no prato.
X - Ohhh... mamã... pufavô ab'e as bolachas pa'a eu come'....
M - Mister, quando acabares, por favor, de comeres a comida toda que tens no prato.

Aqui deve ter achado que eu estava a ser do contra, porque logo de seguida:

X - Mamãaãa... Pufavô não ab'as as bolachas...
M - Ok, sem problema.

..........

X - Mamãaãa... Amo-te muito! Ab'es as bolachas pa'a eu come'?
M - Também te amo muito, Mister... Acaba de comer a comida toda que tens no prato que eu depois dou-te as bolachas.

E, desta vez, ganhei.

Pensava que só os meus gatos cometiam esta loucura

A de abrir uma frincha da gaveta e conseguir retirar todo o seu conteúdo para o meio do chão.
Mas, afinal, o caro Prezado, que também é pessoa de gatos, também sofre desse mal. E, já que falamos de gatos, relembro um gato famoso. Aquele que quer ir para Bruges e que até faz o favor de levar a dona. Eu sou uma embaixadora do sonho de uma vida. Se vocês não são, estão démodé. desculpem, mas estão.

A isto, meus amigos, chamamos um post-de-utilidade-pública-em-que-aproveito-e-falo-de-blogs-que-gosto-muito.

As copas deviam ter nomes

para as letras. Era mais giro e percebia-se melhor.Ora vejam:

A - Aonde estão?
B - Bonitas
C - Cabe na mão cheia
D - Demasiadas
E - Excedem
F - Foda-se que nunca mais acabam!

Perdoem-me o português, mas é verdade.

Só para poder cravar a Pólo daqui a um ano.

"I ♥ Pólo Norte"

Até daqui a 365 dias!

Quanto ao resto:

Não quebrem esta cadeia! :)

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

A Biblioteca do Pimpolho - 3

Mais uma sugestão para as mamãs e/ou papás lerem aos vossos catraios. Só lhes faz bem! O Mr.X. ainda não diz os "r" no meio das vogais, mas ao nível da linguagem está nos 48 meses. E ele tem 40... Depois terão que lidar com a capacidade de argumentação, que vem junta. Mas vale a pena :)


A estória é de Hiawyn Oram com ilustrações de Satoshi Kitamura. Há mais livros deles, todos igualmente deliciosos - falarei deles depois. Tem um bom tamanho para se ler antes de dormir e os desenhos cativam os mais pequenos e os maiores :)

É sobre um menino, o Bernardo, que faz uma birra descomunal porque não quer ir para a cama. No final acaba por adormecer sem se lembrar do "porquê" da birra. Muito bom! Eu e o Mr.X. recomendamos.

Monday Morning Mood Music

Que é como quem diz, M&M ao quadrado.



Boa semana...

domingo, 19 de setembro de 2010

Resident Evil 4 - Afterlife

Ou em português: Ressureição.

Como filme baseado num jogo, o nível de dificuldade aumenta. Os efeitos especiais são geniais! Para aproveitar  bem o 3D, sentem-se um bocadito mais atrás na sala, para não ficarem perto do ecrã. O ideal talvez seja sentar no terceiro terço de filas.

A história desenrola-se mais um pouco, mas acho ser essencial ter visto os filmes para trás, para se perceber a história. Confesso que, assim que decidi que ia ver hoje o RE4, vi o RE3. Tive pena de não ter visto todos os anteriores seguidos, mas fica para uma próxima vez em que tenha muitas horas livres para gastar :)

Para quem conhece e gosta dos Resident Evil: ide ver. Mas não fiquem a achar que é melhor que o primeiro... É diferente.

E fico com desejos de ver o próximo :D

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Mas o loiro mais giro é meu!

Dá cabo do ego a uma mãe

Contexto: hora de jantar, Mister a fingir que não me ouve e a fazer de conta que está a fazer trabalho sério e não pode ser interrompido. A Crente a manter a calma e a postura que a diferença de alturas permite.

Ao fim de algumas insistências dou parte de fraca e utilizo o último recurso que me é permitido:

M - Mister! Estás-te a portar mal! Não vais comer sopa de castigo!

X - Oh mamã, não!! Eu estou a i'e... não vês que estava só a acaba' de fazer o jogo?

M - Não, não há sopa. Chamei-te um monte de vezes.

Mr.X. começa a choramingar:

X - Desculpa mamã.. eu po'to-me bem sim?

Começo a dar a sopa.

M - Que não se volte a repetir. Para a próxima como eu a sopa (oh sim, olha quem...)... e está boa?

X - Sim, mamã.

M - Sabes quem fez? (e faço sorriso derretido de quem se deixa convencer fácil por 97 cm de gente)

X - Foste tu...!

Acaba a sopa, vou buscar a comida. Ponho-lhe o prato à frente para que coma sozinho. Mister mete a primeira colher  à boca:

X - Hmmmm é bom....! (e passa a mão pela barriga e acrescenta um "ahhhhh....").

M - Sabes quem fez? (e preparo-me outra vez, com o mesmo sorriso de antes...)

X - Foi o papá!! (comandante)

Bolas. Bolas. E bolas. Gosta sempre mais da comida dele que da minha. E mesmo que diga que fui eu, sabe perfeitamente que não. Já não consigo enganá-lo.

Bolas. Eu até cozinho bem.

Para que serve a blogosfera?

Para conhecer a Madame Pirulitos e aumentar a minha cultura... ainda que seja cultura sobre o sexo oposto:


Juro que não sou católica, mas... "jasus"! Gosto sim.